Caiado inaugura sede do Programa Mais Crédito voltada para micro e pequenos empreendedores

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Caiado inaugura sede do Programa
Mais Crédito voltada para micro
e pequenos empreendedores

“Nós oferecemos R$ 112 milhões de empréstimos com taxa de juros zero, o maior aporte do país para essa categoria”, afirma governador. Iniciativa, coordenada pela Secretaria da Retomada, dá suporte para segmento prejudicado pela pandemia de Covid-19. No evento, foram entregues, ainda, primeiras ordens de crédito do Programa Estadual de Apoio ao Empreendedor (Peame), que já possui mais de 7 mil pedidos de análise

Governador Ronaldo Caiado inaugura sede do Programa Mais Crédito, em Goiânia, para ajudar micro e pequenos empresários a enfrentar as dificuldades financeiras provocadas pela pandemia da Covid-19. (Foto: Cristiano Borges e Júnior Guimarães)

O empreendedor em busca de crédito para atravessar o período da pandemia da Covid-19 conta agora com atendimento presencial especializado no centro de Goiânia. Nesta quarta-feira (14/04), o governador Ronaldo Caiado inaugurou a sede do programa Mais Crédito, uma ação do Governo de Goiás por meio da Secretaria da Retomada. “Nós oferecemos R$ 112 milhões de empréstimos com taxa de juros zero, o maior aporte do país para essa categoria”, afirmou Caiado.

A estrutura está localizada na Avenida Anhanguera, nº 5.311, Setor Central. No local, autônomos, micro e pequenos empresários têm acesso a serviços gratuitos do Programa, como informações de linhas de crédito, consulta e negociação de débitos, consultoria financeira, auxílio para abertura de microempreendedor individual (MEI), câmara de conciliação, além de oficinas voltadas para empreendedorismo e negócios. “Nós queremos voltar a pessoa para a sua atividade. Para que ela continue gerando emprego, renda e sustentando a sua família”, avaliou Caiado, ao lado do vice-governador, Lincoln Tejota.

Além do maior aporte financeiro para micro e pequenos empresários do país, a sede do Programa Mais Crédito também traz outra inovação, que é a Câmara de Conciliação. “O Governo de Goiás está quebrando paradigmas. A recuperação financeira de pequenas empresas era algo impossível. Agora, com o ambiente de conciliação, o micro e o pequeno empresários podem expor suas dívidas, negociá-las e ser apoiada com crédito”, explicou o Secretário da Retomada, César Moura.

O Mais Crédito é realizado pela Secretaria da Retomada, em parceria com a Secretaria de Indústria, Comércio e Serviços (SIC), GoiásFomento, Sebrae, Federação do Comércio do Estado de Goiás (Fecomércio-GO), Associação Comercial, Industrial e de Serviços do Goiás (Acieg) e plataforma de permutas multilaterais XporY. Segundo o secretário da Indústria e Comércio, José Vitti, o espaço é um suporte para quem foi duramente prejudicado pela pandemia de Covid-19 iniciar uma nova fase empresarial. “Nesse momento tão difícil o Governo de Goiás estende a mão aqueles que mais precisam”, avaliou Vitti.

Por questões de segurança, os atendimentos presenciais na sede do Programa Mais Crédito estão sendo realizados com agendamento prévio, pelos telefones (62) 98305-6364 (WhatsApp), 0800-6467512 ou por e-mail (maiscreditogo@gmail.com). “Nós queremos manter a segurança da população durante a pandemia, mas também ajudá-la com crédito, consultoria e negociação de dívidas”, afirmou César Moura.

Para quem preferir, os atendimentos virtuais seguem disponíveis pelo site retomada.go.gov.br. De acordo com o governador, os empréstimos são sem burocracia, no entanto, o empreendedor vai receber orientação financeira de como e onde melhor investir o dinheiro. “Isso tudo é um processo educativo, social e gerador de emprego e renda”, afirmou Caiado.

Peame

Além da inauguração no novo espaço, o governador fez as primeiras entregas das ordens de crédito do Programa Estadual de Apoio ao Empreendedor (Peame), lançado no dia 16 de março como parte das medidas de apoio a micro e pequenos empresários para a concessão de linhas de crédito, com taxa de juro zero.  “O mais importante não é apenas o crédito que foi dado, mas também a regularização da dívida daqueles que realmente estão com protesto em cartório, que querem fazer uma conciliação, ou que querem, mesmo não tendo o dinheiro para quitar o débito, fazer uma permuta e encontrar uma solução”, afirmou Caiado.

Das mais de 7 mil solicitações já realizadas, a GoiásFomento já aprovou 541, o que corresponde a 84% das propostas analisadas. Isso representa em torno de R$ 12,8 milhões. “Essas linhas de emergência não têm juros e são mais facilitadas. Inclusive pessoas que estão negativadas têm a condição de pegar esse empréstimo”, explicou Vitti. O aporte financeiro também beneficia quem não tem avalista. “Ele pode contar com um fundo de aval do Estado que dá condições para o empresário ter acesso com menos burocracia”, orientou o secretário da Indústria e Comércio.

O Programa Estadual de Apoio ao Empreendedor (Peame) objetiva preservar os empregos e apoiar empresas e famílias em situação de vulnerabilidade, durante o período da pandemia da Covid-19. Foram liberados R$ 112 milhões para empréstimos com juro zero para micro e pequenos empresários que não demitirem funcionários, assim como para MEIs e profissionais autônomos. Todos usufruem de carência de seis meses e prazo de pagamento de até 36 meses, que varia de acordo com a categoria.

Até o momento, já estão registradas 7.181 propostas junto à GoiásFomento. A maioria delas é de pessoas jurídicas (empresas), no total de 6.021 solicitações. Outras 1.160 são de pessoas físicas. Além das mais de 500 propostas já aprovadas, outras 3.046 estão em análise junto à agência de fomento.

Também participaram da inauguração da sede do Programa Mais Crédito o presidente da Goiás Fomento, Rivael Aguiar; o diretor superintendente do Sebrae Goiás, Fernando de Paula Gomes Ferreira e o presidente da Acieg, Rubens Fileti. (Fonte: Secretaria de Comunicação).

 

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Deixe uma resposta

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×