PLANOS DE SAÚDE: TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER ANTES DE CONTRATAR

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Uma das maiores preocupações dos indivíduos, principalmente no contexto atual, está relacionada com a saúde e, por isso, possuir a garantia de poder contar com recursos médico-hospitalares de prevenção, de tratamentos, de cirurgias, de consultas periódicas ou emergenciais é algo muito valorizado e, de fato, é de extrema importância.

Dessa forma, muitos optam em recorrer à contratação de um plano de saúde, devido a maior qualidade de atendimento dado em hospitais e clínicas particulares e com valores que cabem no orçamento.

Você está pensando em contratar um plano de saúde? A seguir você verá algumas informações que podem te ajudar a saber tudo que precisa antes de selecionar a melhor empresa servidora desse serviço.

O QUE É UM PLANO DE SAÚDE?

Um plano de saúde é um serviço oferecido por uma empresa privada, em que é disponibilizado uma cadeia de clínicas, médicos e hospitais particulares, de alta qualidade, oferecendo todo tipo de atenção médica que o beneficiário necessitar.

Para isso, você seleciona, conforme suas necessidades, o tipo de cobertura e outras questões que deseja no seu plano de saúde, pagando um valor mensal compatível com a sua realidade.

Você terá o suporte hospitalar altamente qualificado, sem precisar enfrentar filas de espera ou perder tanto tempo aguardando uma marcação de consulta, como ocorre no SUS.

COMO FUNCIONA O PLANO DE SAÚDE?

É pago uma mensalidade, embasada dos itens selecionados/escolhidos por você durante o fechamento do contrato.

Muito importante lembrar: nós temos o suporte da Agência Nacional de Saúde Suplementar, ANS, que é responsável pela fiscalização e validação de todo o processo contratual. Portanto, nós podemos ter a tranquilidade de que nossos direitos serão assegurados.

Você pode escolher as seguintes opções de cobertura:

  1. Ambulatorial – cobertura somente de consultas, exames e terapias;
  2. Hospitalar com obstetrícia – cobertura apenas de internações em hospitais, sendo incluso parto;
  3. Hospitalar sem obstetrícia – cobertura apenas de internações em hospitais, não incluindo parto;
  4. Ambulatorial + hospitalar com ou sem obstetrícia – cobertura de consultas, exames, terapias, internações em hospitais com ou sem incluir parto;
  5. Odontológica- cobertura de todo tipo de suporte odontológico;
  6. Referência- cobertura total.

Você pode optar pelos seguintes tipos de área de abrangência:

  • Internacional;
  • Nacional;
  • Apenas algumas regiões;
  • Somente a sua cidade.

Se você é uma pessoa que viaja muito, por exemplo, é interessante selecionar uma área de maior abrangência. Caso contrário, apenas no local onde você vive já é satisfatório!

Você pode escolher o tipo de acomodação:

  • Individual ( exclusivamente uma pessoa no quarto);
  • Enfermaria ( até 3 pessoas no quarto) ;

Depende o tanto que você deseja mais privacidade e o quanto você pode desembolsar por isso.

Você deve selecionar, também, qual é o tipo de contratação:

  1. Individual ou familiar – indivíduo contrata o serviço do plano de saúde;
  2. Coletivo por adesão – sindicato ou associação profissional contrata o serviço do plano de saúde;
  3. Coletivo empresarial – empresa contrata o serviço do plano de saúde.

Fique sempre atento na taxa de reajuste anual (divulgado pela ANS) e nas taxas que podem sofrer reajuste como a de faixa etária!

CONCLUSÃO

Para escolher um plano de saúde é necessário ter muita cautela, portanto, pesquise bastante qual operadora é a melhor para você e fique, sempre, de olho nas taxas que podem ser cobradas como reajuste na sua mensalidade.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Deixe uma resposta

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×