Estado finaliza compra e Hecad entra em atividade em breve

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Estado finaliza compra e Hecad
entra em atividade em breve

Centro especializado, adquirido por R$ 128 milhões junto ao Ipasgo, contará, inicialmente, com 78 leitos, sendo 20 UTIs, além de pronto-socorro, setor de exames de imagens, realização de cirurgias eletivas e atendimento ambulatorial. “ Nenhum outro Estado tem essa estrutura como a nossa. Isso dá dignidade aos filhos de nossas famílias”, destaca governador

Caiado entrega Hospital Estadual da Criança e do Adolescente, inicialmente, com 78 leitos para internação, sendo 20 de UTIs, além de toda estrutura para exames de imagem e atendimento de urgência e emergência Fotos: (SES)

Uma nova unidade do Governo de Goiás, o Hospital Estadual da Criança e do Adolescente (Hecad), já está em fase final de estruturação para entrar em atividade nos próximos dias. “É para ser o top da medicina. Criança em Goiás que tem má-formação congênita, doenças cardiológicas graves não vai mais para São Paulo, vai para Goiânia para ter cirurgia de padrão internacional”, destaca o governador Ronaldo Caiado.

O Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Estado da Saúde, adquiriu o Hospital do Servidor, que antes pertencia ao Instituto de Assistência dos Servidores Públicos do Estado de Goiás (Ipasgo). O valor de R$ 128.806.908,96 foi pago na íntegra na última quinta-feira (30/12). No local, funcionará o Hospital Estadual da Criança e do Adolescente.

A estrutura contará com 20 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 58 gerais, para casos que precisam de internação em enfermaria. Gradativamente, esse número será expandido. O local terá, também, ambulatório de especialidades médicas como cardiologia, pneumologia, neurologia, alergologia, entre outras.

“Olha só que maravilha, aquele hospital todo ali como Hospital da Criança, seja ela recém-nascida, jovem com 12 anos, 14 anos de idade. Isso tudo será referência não só no Centro-Oeste”, destaca Caiado. “Nenhum outro Estado tem essa estrutura como a nossa. Isso dá dignidade aos filhos de nossas famílias. Esse hospital terá função específica de atender crianças que, hoje, não têm onde operar, para onde ir. Teremos uma estrutura digna, o Hospital da Criança”, ressalta.

A lei que autorizou o Ipasgo a vender a unidade foi aprovada, em votação definitiva, pela Assembleia Legislativa de Goiás (Alego) no final do ano passado e sancionada pelo governador Ronaldo Caiado. Segundo o documento, de 15 de dezembro de 2021, ficou autorizado “alienar para o Estado de Goiás, na modalidade venda ou permuta, o Hospital do Servidor Público”. A venda foi condicionada à autorização expressa do Conselho Deliberativo do Instituto, que também definiu o valor do trâmite e as condições para o recebimento do imóvel.

Caiado detalha que a medida adotada pelo Governo de Goiás não prejudicará os usuários do Ipasgo e não diminuirá os atendimentos. “Pelo contrário, todos eles são atendidos na rede privada. Vocês sabem do respeito que sempre tive pelo servidor. Só se governa com os servidores”, enfatizou. De acordo com o governador, a rede credenciada do instituto deve ser ampliada.

“É importante ressaltar que o Estado não fechou serviço, muito pelo contrário, trabalhamos para ampliar, realizando uma transferência segura e planejada”, explica Ismael Alexandrino. “Esse hospital nasceu da necessidade do governador Ronaldo Caiado de melhorar a assistência pediátrica no Estado de Goiás. Nossa missão é impactar vidas e a vida de cada criança importa”, ressalta. Na rede estadual de saúde há profissionais de qualidade e que agora vão prestar assistência em um lugar adequado e com condições para desenvolver um bom trabalho.

Hecad

Um ganho com a nova unidade é o setor de exames de imagem, que antes, o Hospital Materno-Infantil não dispunha de aparelho de tomografia, sendo necessário encaminhar os pacientes que necessitavam do exame para outros hospitais. “Esse é um grande ganho e as crianças se beneficiam, já que não será preciso se deslocarem para outro local”, pontua o secretário estadual de saúde. Agora, no Hospital Estadual da Criança e do Adolescente (Hecad) há um moderno aparelho que vai otimizar a assistência de quem precisa dessa assistência.

No local também serão oferecidos broncoscopia, endoscopia, raio X, ultrassonografia, ecocardiografia, eletrocardiografia, entre outros. O local vai abrigar a estrutura e equipe do Hospital Estadual Materno-Infantil Dr. Jurandir do Nascimento, que será dividido e ficará com o atendimento de ginecologia e obstetrícia, como referência para o atendimento da mulher e do recém-nascido.

Fonte: Secretaria de Estado da Saúde  (SES)

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Deixe uma resposta

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×