Turismo: Goiânia Capital Sertaneja do Brasil

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

 Para o presidente da Goiás Turismo
Fabrício Amaral, Goiânia
é a Capital Sertaneja do Brasil

Aproveitar a vocação para incrementar o Turismo, transformando Goiânia na capital sertaneja do Brasil. A Casa do Turismo sediou nesta quinta-feira, 21 de novembro, uma reunião entre representantes da Goiás Turismo com o Trade Turístico goiano para apresentar essa ideia, provocar, gerar um movimento, como disse o presidente da autarquia, Fabrício Amaral.

O diretor de Fomento ao Turismo da Agência Estadual, Gustavo Coutinho, explicou os detalhes. Segundo ele, Goiânia tem um povo receptivo, uma deliciosa Gastronomia, a arquitetura Art Déco, cidades turísticas no entorno, grandes eventos, aptidão para o Turismo de Negócios e de Compras, mas nenhum desses elementos é exclusivo. Aí é que entraria o sertanejo. Para Gustavo, o Turismo goiano precisa se apropriar dessa bandeira. Segundo ele, Goiânia Capital Sertaneja é o conceito e essa identidade não precisa ser única.


O diretor da Goiás Turismo apresentou os números astronômicos do mercado sertanejo brasileiro, que realiza de 1.500 a 2 mil rodeios por ano, para 30 milhões de pessoas, atraindo um público fiel sete vezes maior que o do Campeonato Brasileiro de Futebol. E pode abarcar estilo de vida, moda, lazer, esporte, todo o universo agro, cultura e tradição, além de Gastronomia e também o estilo musical.

As lideranças da iniciativa privada presentes aplaudiram a ideia. Fernando Machado, vice-presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes no Estado, citou eventos que existiam nessa linha em Goiânia e agora não acontecem mais. Para ele, falta incentivo e até mesmo sensibilidade da prefeitura, que estaria barrando a criatividade dos empresários do set

or para incrementar os negócios. Entre as sugestões, a principal foi a de atrair mais parceiros para o projeto, que trariam novas propostas para robustecer a ideia inicial.


Fabrício Amaral disse que a reunião buscou incentivar o movimento com uma visão empreendedora do Turismo, onde o protagonista tem que ser a inciativa privada, que seria o eixo de sustentação do projeto, contando com a parceria do Poder Público. Segundo o presidente da Goiás Turismo, Trade e Governo devem atuar juntos para iniciar 2020 já com um Plano de Trabalho para tornar Goiânia na Capital Sertaneja.

 

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×